O cumprimento dos requisitos legais passou a ser exigência para vender?

0
75

Nesse artigo vamos mostrar qual a importância dos requisitos legais para vender produtos, como empresas que atendem todos os requisitos legais aplicáveis se destacam no mercado e outros pontos relacionados que mostrem a importância da gestão dos requisitos legais para lucrar mais.

O que são os Requisitos Legais?

Os chamados “Requisitos Legais”, são regras expressas nas normas que devem ser cumpridas, caso essa regra se aplique a atividade desenvolvida pela sua empresa ou seu estabelecimento.

São exemplos de requisitos legais: Leis, Decretos, Portarias, Instruções Normativas, Resoluções, dentre outros, desde que aprovados e em vigor.

Qual a importância dos requisitos legais?

Cumprir com os requisitos legais faz com que a empresa monitore as relações ligadas ao meio ambiente, saúde e segurança do trabalhador.

Ter um certificado de cumprimento desses requisitos (ISO, OHSAS, SA) faz com que a empresa atenda a legislação aplicável a sua atividade, evitando dessa maneira receber multas por possíveis impactos negativos que possa causar.

A adequada gestão desses requisitos e sua conformidade com a legislação, evita penalidades nas esferas civil, administrativas ou penal.

Como empresas que atendem todos os requisitos legais se destacam no mercado?

As empresas que atendem todos os requisitos legais, tem uma valorização do mercado internacional, o certificado é, muitas vezes, um pré-requisito de contratação, o que possibilita o surgimento de novos negócios. Esse certificado representa um selo da marca. Significa que a empresa está em conformidade com toda a legislação aplicável a sua atividade.

Apresentar um certificado coloca a empresa num patamar mais elevado do que outras, pois mostra que a empresa cuida não só da qualidade de seu produto ou serviço, mas que ela cumpre com todas as legislações e exigências que se fizerem necessárias.

A certificação está disponível para qualquer empresa, seja ela nacional ou estrangeira e, para obtê-la, a empresa deve demonstrar e garantir que seu processo produtivo é controlado e que seus produtos estão sendo fabricados em conformidade com as normas.

A empresa também passa a ser vista no mercado como referência em termos de gestão estratégica, tática e operacional. A prioridade é satisfazer o cliente.

Uma empresa certificada, que cumpre os requisitos legais, demonstra que possui uma gestão de qualidade elevada, reduzindo desta maneira falhas, retrabalhos, desperdício e dando uma maior agilidade a produção.

A empresa também obtém ganhos financeiros decorrentes da sua certificação, como a economia tempo, recursos humanos e insumos.

A certificação configura uma forma de organização empresarial, ajuda as empresas a entender o que se passa internamente e orienta no tratamento dos processos e ações que devem ser executados para que não conformidade não ocorram. Também auxilia as organizações a desenvolver um apreço maior pelos seus clientes, auxiliando no desenvolvimento de lideranças e contribui para o envolvimento das pessoas.

Alguns dos benefícios obtidos com esse processo podem ser:

  • Grande oportunidade para impulsionar a imagem da organização;
  • Aumento da satisfação dos clientes;
  • Mudança de foco da correção para a prevenção;
  • Mobilização em torno de um objetivo comum;
  • E redução de desperdícios e custos.

Atualmente podemos observar que as empresas dos mais diversos setores têm exigido de seus fornecedores, tanto de produtos quanto de serviços, certificações como forma de garantir a qualidade de atendimentos aos requisitos contratuais estabelecidos.

A certificação, independentemente da norma ISO ou outra, resulta sempre em uma grande mudança dentro da empresa, para tanto é necessário que as pessoas entendam qual sua real importância e quais os benefícios para a empresa e cada profissional.

A certificação é um importante passo na busca pela excelência organizacional.

Conclusão

Por fim, existem diferentes tipos de certificação ISO. Cada uma tem uma proposta diferente para a empresa, mas todas tem como objetivo introduzir reformas, arrumar o que não está certo e incentivar a organização rumo a modernização administrativa.

Por tanto se você ainda não fez a adequação da norma em sua empresa e, se achar necessário, contrate uma empresa especializada, com pessoal qualificado e que possa orientar da melhor maneira possível, como o AmbLegis.

Dessa forma você poderá evitar problemas futuros para sua empresa e todos os envolvidos. Não deixe que um erro coloque todo trabalho a perder.

DEIXE UM COMENTÁRIO